domingo, 28 de agosto de 2011

Forro térmico com caixas de leite


Alunos de engenharia criam forro térmico com caixas de leite longa vida
Em razão das altas temperaturas que se faz na região ao longo de quase todo o ano, alguns alunos do curso de Engenharia (2º. semestre, 5º. sem. e 7º. sem), da Faculdade Anhanguera em parceria com o “Projeto Kobra Recicla Rondonópolis” resolveram testar a ideia de reaproveitar as embalagens de caixa de leite longa vida para criar um forro isolante que pudesse ser usado em residências populares e comunidades de baixa renda a um custo relativamente zero.Este estudo sobre a possibilidade de transformar caixas de leite em forros isolantes térmicos partiu de um projeto realizado na Faculdade Unicamp (prof. Celso Arruda e Engenheiro Luís Otto Schmutzler).

Fonte da Imagem:http://nossasideiassustentaveis.blogspot.com/2010/08/telhados-com-caixa-de-leite.html

Segundo a professora e voluntária do Kobra, Ana Paula Beer, “a ideia é reaproveitar as embalagens de leite que chegam ao projeto Kobra Recicla Rondonópolis, e de forma artesanal construir um forro que reduzirá até 8°C a temperatura no interior do imóvel”, repassa.

Além do baixo custo, o projeto tem um grande apelo ecológico, já que as embalagens que vão para o lixão levam dezenas de anos para se decompor nos aterros.“Ao divulgar o projeto, pretendemos mostrar que qualquer pessoa, o próprio morador, pode fazer este trabalho, pois o mesmo não exige mão-de-obra qualificada, desta forma, este projeto seria uma ótima solução para diminuir a temperatura das residências de pessoas de baixa renda. Além disto, dia 28 de Agosto é o Dia Nacional do Voluntariado, assim poderíamos estar também falando sobre a importância do trabalho voluntário e conclamando a população a mais ações em prol de nossa sociedade, seja na área social ou ambiental”, externa.Conforme a professora, os alunos estarão finalizando o projeto, colocando o forro na casa de Adnei, uma senhora voluntária do projeto Kobra Recicla Rondonópolis, no Jardim das Flores, neste próximo sábado (dia 27 de agosto) no período matutino.

Segundo Paula Beer, “a Faculdade Anhanguera considera que é seu dever promover entre seus colaboradores, estudantes e parceiros a promoção da qualidade de vida e do meio ambiente. Por esta razão, a Faculdade é parceira do Projeto Kobra Recicla Rondonópolis, com a instalação de um ponto de coleta voluntária de resíduos e através do projeto” Anhanguera Cidadã III”, a faculdade tem estimulado seus alunos, em todos os cursos da instituição, a ações de voluntariado e projetos de extensão que contemplem ações de conscientização, sensibilização e educação da população de Rondonópolis para as questões ambientas”, repassa.

Ainda segundo Paula, os alunos perceberam a importância do tema e estão se mobilizando e realizando várias ações desde o começo do ano.


Fonte:  http://www.datahoje.com.br/openMAT/441/
Postado na fonte por Ailton Lima - com Assessoria
ALR

domingo, 14 de agosto de 2011

Construção Sustentável com garrafas PET!!!

Professor inicia construção de casa usando garrafas pet

Uma iniciativa inovadora: a construção de uma casa com a utilização de materiais recicláveis, como garrafas pets, pneus e caixas de leite, vem sendo desenvolvida no município de Jaru, pelo professor Altair Santana Teobaldo. Segundo o professor o objetivo do projeto é conjugar a economia em sua construção com a preservação do meio ambiente, e para isto serão utilizados 6 mil garrafas pets, 2 mil caixas de leite longa vida e dezenas de pneus.

Esta semana foi iniciado o levantamento das paredes e do muro da residência. A utilização das garrafas pets basicamente substitui os tijolos da residência, sendo assim também desnecessário a despesa com o reboco das paredes, uma vez que as garrafas serão todas uniformemente cobertas com cimento.

A residência que fica localizada na Rua Raposo Tavares setor 06, após a sua conclusão possuirá 147m² de área construída, contendo sala, cozinha, três quartos, dois banheiros, área de serviço e garagem.

Altair ressalta que poucas pessoas acreditam em seu projeto, mas que logo estará provando o sucesso de seu empreendimento e a viabilidade ecológica que a mesma trará. “A quantidade de garrafas e outros produtos que antes seriam depositados na natureza agora serão bem empregadas em benefício do homem”, destacou o professor. Ele ainda divulgou que sua intenção é utilizar as caixas de leite como manta térmica entre o forro e o telhado, e os pneus no muro da residência.

Nos próximos dias as paredes e o muro estarão bem adiantados, só então poderemos ter uma idéia do projeto.


Fonte: Jaru On Line
Autor: Jaru On Line
    Sexta-feira, 12 de agosto de 2011 - 09:40
    
    RETIRADO DE: http://www.rondoniagora.com/

Comente a vontade,
ALR

sábado, 13 de agosto de 2011

Materiais da construção

Primeiro uma observação:
CIENTISTA DE MATERIAIS – DESENVOLVE OU SINTETIZA NOVOS MATERIAIS
ENGENHEIRO DE MATERIAIS – CRIA PRODUTOS/SISTEMAS/TÉCNICAS COM MATERIAIS EXISTENTES
MATERIAIS DA CONSTRUÇÃO SÃO CLASSIFICADOS DA SEGUINTE FORMA:
Metais = combinação de elementos metálicos (ligações metálicas)
Propriedades:

• Bons condutores de calor e eletricidade;
• São estruturas cristalinas;
• São opacos à luz visível;
• Possuem boa ductibilidade e maleabilidade;
• Geralmente são resistentes e deformáveis;
• Possuem baixa resistência química.



Cerâmicos = materiais inorgânicos constituídos por elementos metálicos e não-metálicos unidos por meio de ligações covalentes e iônicas.


Principais propriedades:
• Podem ser cristalinos, não-cristalinos ou uma mistura de ambos;
• Possuem alta dureza, mesmo em altas temperaturas;
• São, normalmente, bastante frágeis;
• São bons isolantes elétricos;
• Possuem boa resistência química
• Em geral são leves


Polímeros = longas  cadeias moleculares orgânicas, geralmente de carbono, que se unem por ligações secundárias formando um material sólido.


Principais propriedades
• Apresentam baixa densidade e podem ser extremamente flexíveis;
• São bons isolantes Elétricos e Térmicos;
• São em geral estruturas amorfas;
• Baixa temperatura de fusão ou de decomposição;
• Alguns plásticos podem possuir boa resistência química
• Possuem baixa densidade
• Possuem alta ductibilidade


Compósitos = são constituídos de mais de um tipo de material insolúveis entre si.

• Um exemplo clássico é o compósito de matriz polimérica com  fibra de vidro. 
• O material compósito apresenta a resistência da fibra de vidro associado a flexibilidade do polímero



Semicondutores

• Apresentam propriedades elétricas intermediárias entre metais e isolantes
• São extremamente sensíveis à presença de pequenas quantidades de impurezas, cuja concentração pode ser controlada em pequenas regiões do material
• Os semicondutores tornaram possível o advento do circuito integrado que revolucionou as indústrias de eletrônica e computadores
• Ex: Si, Ge, GaAs, InSb, GaN, CdTe..


Biomateriais (Materiais Biocompatíveis)

• Biomateriais são empregados em componentes para implantes de partes em seres humanos
• Esses materiais não devem produzir substâncias tóxicas e devem ser compatíveis com o tecido humano (isto é, não deve causar rejeição).
• Metais, cerâmicos, compósitos e polímeros podem ser usados como biomateriais.


Fonte da imagem: http://www.ctb.com.pt/

Até Breve
ALR
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...