sexta-feira, 25 de novembro de 2011

TELHADOS BRANCOS


TELHADOS BRANCOS:

 REDUZEM A TEMPERATURA
 COMBATEM O EXCESSO DE CO2
 RETARDAM O AQUECIMENTO GLOBAL.



A maioria dos tetos planos são escuros e refletem só até 20% da luz solar. 


Pintados de branco ou outra cor clara, com reflexão de 0,60 ou mais, os efeitos da incidência solar diminuiriam. 

Cada 100 m2 pintados compensam 10 t de emissão de CO2.

É recomendável que tetos planos sejam pintados de branco e os inclinados com cores frias. 

Permanentemente aumentando a reflexão solar de tetos e pavimentos em todo o mundo pode gerar uma compensação equivalente à emissão de 11 bilhões de carros por ano. Isto significa tirar das ruas cerca de 600 milhões de carros por 18 anos. 


Há uma campanha internacional para a utilização de materiais reflexivos na construção e reforma de tetos em regiões temperadas e tropicais.



Os tetos frios: reduzem o uso de ar-condicionado e aumentam o conforto das construções sem estes; combatem as ilhas de calor no verão nas cidades, melhorando a qualidade do ar , o conforto do ambiente urbano e reduzem a temperatura global.

 Adaptado do site do Green Building Council Brasil



RECICLE
REUTILIZE
REDUZA!!!

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Propriedades dos Materiais

      Muito me questionava as diferenças das propriedades dos materiais em geral. Quais eram as químicas, por que outras são ditas físicas, e essas mecânicas então? Também as elétricas, termicas e uma infinidade... Bom aqui vão as propriedades separadas e sem confusão!!

Propriedades físicas em geral:
* Dimensões
* Forma
* Densidade
* Porosidade
* Misturas constituintes
* Macro e micro estrutura

Propriedades químicas e físico-químicas: 
* Componentes químicos
* Acidez
* Resistência à corrosão

Propriedades mecânicas:
* Resistência mecânica (estática e dinâmica)
* Elasticidade
* Plasticidade
* Fragilidade (tenacidade)
* Ductilidade
* Resiliência

Propriedades elétricas:
* Condutividade
* Rigidez dielétrica
* Termoeletricidade
* Piezeletricidade

Propriedades Térmicas:
* Calor especifico
* Dilatação térmica
* Condutividade térmica

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Oba! Tintas ecológicas!

Benefícios:
> Maior durabilidade - não desbotam
> Sem cheiro
> Resistem a intemperismos
> Atóxicas
> Possibilidade de cores intensas

Segue trechos da matéria:
"A Hydronorth, lança produtos ecológicos, que incluem tinta acrílica que alta performance, massas, revestimento acrílico, esmalte base de água, verniz base de água e impermeabilizante. A fabricante de tintas, sedeada no Paraná, é membro associado do Green Building Council e fornecerá mais de dois milhões de litros de tinta que serão usados exclusivamente em construções sustentáveis."
"A tinta de caseína, por exemplo, é a mistura da proteína do leite com pigmentos, sendo que a mistura pode até ser caseira. Já as tintas feitas com cal e pigmentos naturais dão uma aparência leve e antiga à obra. Sem esquecer também as tintas feitas com extractos vegetais e minerais, misturados com óleos e resinas naturais, como aquelas comercializadas pela Ecocasas."
Extraído de: http://www.greensavers.pt/2011/08/01/brasil-tintas-ecologicas-comecam-a-surgir-na-construcao-civil/

Tendência das tintas
fonte: PEGN

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

SLU - RECICLAGEM DE ENTULHO

Estações de Reciclagem de Entulho

Foto: Assessoria Comunicação da SLU/CEMP
As Estações de Reciclagem de Entulho têm como objetivo transformar os resíduos da construção civil em agregados reciclados, podendo substituir a brita e a areia em elementos da construção civil que não tenham função estrutural. São instaladas em terrenos públicos localizados estrategicamente, com área mínima de 6.000m², que devem ser cercados e dotadas de pontos de aspersão de água, localizados estrategicamente, de forma a reduzir o excesso de poeira. Para evitar a pressão sonora, as calhas dos equipamentos britadores são revestidas de borracha e as pás-carregadeiras dispõem de silenciadores. Essas unidades recebem os resíduos transportados por caminhões e empresas de caçambas desde que apresentem, no máximo, 10% de outros materiais (papel, plástico, metal etc.) e ausência de terra, matéria orgânica, gesso e amianto.

Conheça as etapas do processo de reciclagem do entulho:

• Recepção: o material é inspecionado na portaria para verificar a sua composição e o grau de contaminação. O material aceito é classificado em:

- classe A – resíduos de peças fabricadas com concreto (lajes, pilares, blocos, pavimentação), argamassas, fibrocimento, pedras ornamentais, sem a presença de impurezas. Destinam-se à preparação de argamassa e concreto não estruturais, utilizados na fabricação de bloquetes para calçamento, blocos de vedação, guias para meio-fio, dentre outros .

- classe B – resíduos predominantemente cerâmicos (tijolos, telhas, azulejos etc.). Destinam-se à base e à sub-base de pavimentação de vias, drenos, camadas drenantes e material de enchimento de rip-rap.

A parcela rejeitada pela inspeção é destinada ao aterro sanitário.

• Seleção: os materiais recicláveis são separados manualmente dos rejeitos que, se forem recicláveis ou reaproveitáveis, são devidamente destinados.

• Operação de britagem: os resíduos são levados pela pá-carregadeira até o alimentador vibratório do britador de impacto e, por gravidade, para a calha simples e ao transportador de correia. Após a britagem, há eliminação de pequenas partículas metálicas ferruginosas pela ação de um eletroímã sobre o material reciclado conduzido pelo transportador de correia.

• Estocagem em pilhas: o material reciclado é acumulado sob o transportador de correia.

• Expedição: é feita com o auxílio de pá-carregadeira, dispondo o material reciclado em veículos apropriados.

Atualmente, a Prefeitura de Belo Horizonte possui três Estações de Reciclagem de Entulho:

Pampulha

R. Policarpo Magalhães Viotti, 450, Bandeirantes

tel.: 3277-7912



Estoril R. Nilo Antônio Gazire, 147, Estoril

tel.: 3277-7092/9645



BR-040 BR-040, Km 531, Jardim Filadélfia

Extraído de: http://portalpbh.pbh.gov.br/pbh/ e Página Principal do SLU - BH/MG (clique aqui)

Esse texto te ajudou? Comente!
Curta a Fan-Page no Facebook: https://www.facebook.com/apenasumolharengenharia 

De olho nas telhas

Telhas:
   Dão um toque todo especial de aconchego e conforto e ultimamente temos visto variadas formas, cores e materiais interessantes. Aqui posto algumas fotos delas dos mais variados materiais.

Quais usar?

   Com uma rápida pesquisa encontrei várias opções de telhas ecológicas, sim, telhas recicláveis!!!
   Confira:


Telhas de alumínio e telhas galvanizadas
     Muito utilizada em coberturas de casas e de galpões por ser resistente, leve e facilmente adaptável a curvas. e também resiste à corrosão. Uma boa notícia é que pode ser reciclada, assim como as latinhas de alumínio.

Diversas formas
Telhas de cerâmica
     Uma das mais populares e bem aceitas tanto na questão financeira quanto no conforto térmico e na tradição da estética cultural. Ao comprar atentar para a boa queima do material, baixa rugosidade e homogênea coloração.
Clássica!!!
Telhas de concreto
    Várias colorações, resistente ao ataque da maresia e granito.
Versatilidade de pigmentos
Telhas de policarbonato
    Fácil manuseio e instalação, por ser muito leve. Para limpar apenas água e sabão!!! Material sensível à abrasão, menos rígido que o vidro. Não propaga chamas. O que é um policarbonato??? É um plático que ao ser aquecido torna-se maleável e ao ser resfriado torna-se resistente, permitindo variações quanto a curvatura e ao formato sem emendas ou encaixes.


Transparência: aproveita a luz do sol
Telhas de vidro
     A principal função é aproveitar a luz natural quando misturada com as telhas cerâmicas ou de concreto, reduzindo gastos com energia elétrica.
Uma ótima escolha!!!
Telhas ecológicas
     Fabricadas com resíduos de fibras vegetais de madeira (pinho e/ou eucalipto) de sisal, de bananeira, coco, até mesmo de papel reciclado e de garrafas PETs!!!
     As telhas de fibra vegetal têm suas fibras impregnadas com betume e pigmentadas com a cor desejada, além de serem protegidas por uma resina que as protege dos raios UV, garantindo maior durabilidade.
    As telhas de papel reciclado recebem em sua composição asfalto, além da resina.
    Além de ganhar com a durabilidade as telhas recicladas em geral têm melhor desempenho térmico e mecânico, pois suportam maior carga. O que cá pra nós é um alívio na época das chuvas de granizo!!!

MUITO MAIS CORES DISPONÍVEIS
MAIS VANTAGENS:
    São leves, resistentes, impermeáveis, anti-corrosivas, melhor desempenho termo-acústico, fácil manuseio, não polui, e é em geral 10% mais barata que as de cerâmica!!!


Indicação para pesquisa e fonte das imagens:

http://www.zap.com.br/revista/imoveis/decoracao-e-jardinagem/casas-construidas-com-plastico-reciclado-20100122/

http://www.fazfacil.com.br/reforma_construcao/telhado_telhas_eco.html

http://moveisplanejadossp.com/telhas-de-aluminio-preos/

http://www.hotfrog.com.br/Empresas/Polysolution-Comercial/Telhas-de-Policarbonato-CLICK-160037

domingo, 28 de agosto de 2011

Forro térmico com caixas de leite


Alunos de engenharia criam forro térmico com caixas de leite longa vida
Em razão das altas temperaturas que se faz na região ao longo de quase todo o ano, alguns alunos do curso de Engenharia (2º. semestre, 5º. sem. e 7º. sem), da Faculdade Anhanguera em parceria com o “Projeto Kobra Recicla Rondonópolis” resolveram testar a ideia de reaproveitar as embalagens de caixa de leite longa vida para criar um forro isolante que pudesse ser usado em residências populares e comunidades de baixa renda a um custo relativamente zero.Este estudo sobre a possibilidade de transformar caixas de leite em forros isolantes térmicos partiu de um projeto realizado na Faculdade Unicamp (prof. Celso Arruda e Engenheiro Luís Otto Schmutzler).

Fonte da Imagem:http://nossasideiassustentaveis.blogspot.com/2010/08/telhados-com-caixa-de-leite.html

Segundo a professora e voluntária do Kobra, Ana Paula Beer, “a ideia é reaproveitar as embalagens de leite que chegam ao projeto Kobra Recicla Rondonópolis, e de forma artesanal construir um forro que reduzirá até 8°C a temperatura no interior do imóvel”, repassa.

Além do baixo custo, o projeto tem um grande apelo ecológico, já que as embalagens que vão para o lixão levam dezenas de anos para se decompor nos aterros.“Ao divulgar o projeto, pretendemos mostrar que qualquer pessoa, o próprio morador, pode fazer este trabalho, pois o mesmo não exige mão-de-obra qualificada, desta forma, este projeto seria uma ótima solução para diminuir a temperatura das residências de pessoas de baixa renda. Além disto, dia 28 de Agosto é o Dia Nacional do Voluntariado, assim poderíamos estar também falando sobre a importância do trabalho voluntário e conclamando a população a mais ações em prol de nossa sociedade, seja na área social ou ambiental”, externa.Conforme a professora, os alunos estarão finalizando o projeto, colocando o forro na casa de Adnei, uma senhora voluntária do projeto Kobra Recicla Rondonópolis, no Jardim das Flores, neste próximo sábado (dia 27 de agosto) no período matutino.

Segundo Paula Beer, “a Faculdade Anhanguera considera que é seu dever promover entre seus colaboradores, estudantes e parceiros a promoção da qualidade de vida e do meio ambiente. Por esta razão, a Faculdade é parceira do Projeto Kobra Recicla Rondonópolis, com a instalação de um ponto de coleta voluntária de resíduos e através do projeto” Anhanguera Cidadã III”, a faculdade tem estimulado seus alunos, em todos os cursos da instituição, a ações de voluntariado e projetos de extensão que contemplem ações de conscientização, sensibilização e educação da população de Rondonópolis para as questões ambientas”, repassa.

Ainda segundo Paula, os alunos perceberam a importância do tema e estão se mobilizando e realizando várias ações desde o começo do ano.


Fonte:  http://www.datahoje.com.br/openMAT/441/
Postado na fonte por Ailton Lima - com Assessoria
ALR

domingo, 14 de agosto de 2011

Construção Sustentável com garrafas PET!!!

Professor inicia construção de casa usando garrafas pet

Uma iniciativa inovadora: a construção de uma casa com a utilização de materiais recicláveis, como garrafas pets, pneus e caixas de leite, vem sendo desenvolvida no município de Jaru, pelo professor Altair Santana Teobaldo. Segundo o professor o objetivo do projeto é conjugar a economia em sua construção com a preservação do meio ambiente, e para isto serão utilizados 6 mil garrafas pets, 2 mil caixas de leite longa vida e dezenas de pneus.

Esta semana foi iniciado o levantamento das paredes e do muro da residência. A utilização das garrafas pets basicamente substitui os tijolos da residência, sendo assim também desnecessário a despesa com o reboco das paredes, uma vez que as garrafas serão todas uniformemente cobertas com cimento.

A residência que fica localizada na Rua Raposo Tavares setor 06, após a sua conclusão possuirá 147m² de área construída, contendo sala, cozinha, três quartos, dois banheiros, área de serviço e garagem.

Altair ressalta que poucas pessoas acreditam em seu projeto, mas que logo estará provando o sucesso de seu empreendimento e a viabilidade ecológica que a mesma trará. “A quantidade de garrafas e outros produtos que antes seriam depositados na natureza agora serão bem empregadas em benefício do homem”, destacou o professor. Ele ainda divulgou que sua intenção é utilizar as caixas de leite como manta térmica entre o forro e o telhado, e os pneus no muro da residência.

Nos próximos dias as paredes e o muro estarão bem adiantados, só então poderemos ter uma idéia do projeto.


Fonte: Jaru On Line
Autor: Jaru On Line
    Sexta-feira, 12 de agosto de 2011 - 09:40
    
    RETIRADO DE: http://www.rondoniagora.com/

Comente a vontade,
ALR

sábado, 13 de agosto de 2011

Materiais da construção

Primeiro uma observação:
CIENTISTA DE MATERIAIS – DESENVOLVE OU SINTETIZA NOVOS MATERIAIS
ENGENHEIRO DE MATERIAIS – CRIA PRODUTOS/SISTEMAS/TÉCNICAS COM MATERIAIS EXISTENTES
MATERIAIS DA CONSTRUÇÃO SÃO CLASSIFICADOS DA SEGUINTE FORMA:
Metais = combinação de elementos metálicos (ligações metálicas)
Propriedades:

• Bons condutores de calor e eletricidade;
• São estruturas cristalinas;
• São opacos à luz visível;
• Possuem boa ductibilidade e maleabilidade;
• Geralmente são resistentes e deformáveis;
• Possuem baixa resistência química.



Cerâmicos = materiais inorgânicos constituídos por elementos metálicos e não-metálicos unidos por meio de ligações covalentes e iônicas.


Principais propriedades:
• Podem ser cristalinos, não-cristalinos ou uma mistura de ambos;
• Possuem alta dureza, mesmo em altas temperaturas;
• São, normalmente, bastante frágeis;
• São bons isolantes elétricos;
• Possuem boa resistência química
• Em geral são leves


Polímeros = longas  cadeias moleculares orgânicas, geralmente de carbono, que se unem por ligações secundárias formando um material sólido.


Principais propriedades
• Apresentam baixa densidade e podem ser extremamente flexíveis;
• São bons isolantes Elétricos e Térmicos;
• São em geral estruturas amorfas;
• Baixa temperatura de fusão ou de decomposição;
• Alguns plásticos podem possuir boa resistência química
• Possuem baixa densidade
• Possuem alta ductibilidade


Compósitos = são constituídos de mais de um tipo de material insolúveis entre si.

• Um exemplo clássico é o compósito de matriz polimérica com  fibra de vidro. 
• O material compósito apresenta a resistência da fibra de vidro associado a flexibilidade do polímero



Semicondutores

• Apresentam propriedades elétricas intermediárias entre metais e isolantes
• São extremamente sensíveis à presença de pequenas quantidades de impurezas, cuja concentração pode ser controlada em pequenas regiões do material
• Os semicondutores tornaram possível o advento do circuito integrado que revolucionou as indústrias de eletrônica e computadores
• Ex: Si, Ge, GaAs, InSb, GaN, CdTe..


Biomateriais (Materiais Biocompatíveis)

• Biomateriais são empregados em componentes para implantes de partes em seres humanos
• Esses materiais não devem produzir substâncias tóxicas e devem ser compatíveis com o tecido humano (isto é, não deve causar rejeição).
• Metais, cerâmicos, compósitos e polímeros podem ser usados como biomateriais.


Fonte da imagem: http://www.ctb.com.pt/

Até Breve
ALR

terça-feira, 26 de julho de 2011

Inovações em design

Boletim de novidades quentinhas!!!
Confiram o que deve chegar para nós dentro de cinco anos (se forem economicamente viáveis para as grandes empresas)!!!
Não custa sonhar!!!

HOTEL OFERECE REFEIÇÕES PARA QUEM GERAR ELETRICIDADE
O Crown Plaza Hotel, em Copenhague, Dinamarca, disponibiliza bicicletas ligadas a um gerador de eletricidade para os hóspedes voluntários. Após o exercício, o hóspede recebe um generoso vale-refeição: 26 euros, aproximadamente 60 reais.


BAR CAPTA ENERGIA PRODUZIDA PELA DANÇA
O dono do Bar Surya, em Londres, refez o chão da pista de dança de seu estabelecimento e o revestiu com placas que, ao serem pressionadas pelos frequentadores do lugar, produzem corrente elétrica, 60% da necessidade energética do lugar.


EMPRESA CRIA IMPRESSORA QUE NÃO USA TINTA NEM PAPEL
Conheça a Impressora PrePean. Utiliza uma peça térmica para fazer as impressões em folhas plásticas feitas especialmente para isso. É só colocá-las novamente na impressora que, através de outra temperatura, a próxima impressão ficará no lugar da anterior.



UNIVERSIDADE CONSTROI TELHADO VERDE
Escola de Arte, Design e Comunicação da Universidade Tecnológica de Nanyang, em Cingapura. Os telhados revestidos de grama servem como ponto de encontro informal, além de ajudar no equilíbrio térmico do edifício e na absorção da água da chuva.


DESIGNER CRIA PIA QUE REGA PLANTA
Feita de concreto polido, a Pia batizada de Jardim Zen possui um canal que aproveita a água utilizada na lavagem das mãos para molhar uma planta. Uma peça no início do canal drena o liquido e só deixa água sem sabão escorrer até a planta.


DESIGNER CRIA CHUVEIRO QUE O OBRIGA A SAIR
O chuveiro Eco Drop possui círculos concêntricos como tapetes no chão, que vão crescendo enquanto o chuveiro está ligado. Após um tempo, a sensação fica tão incômoda que te força a sair do banho e, consequentemente, economizar água.

DESIGNER CRIA INTERRUPTOR QUE MUDA DE COR
Até uma hora, a expressão do fantasminha é feliz e a luz do interruptor permanece verde. Se a luz é deixada ligada por mais de quatro horas, ele se assusta e fica amarelo. Já se o morador da casa se atreve a deixar a luz acesa por mais de oito horas, o até então amigável fantasma se zanga e fica vermelho.


EMPRESA CRIA GRAMPEADOR SEM GRAMPOS PARA EVITAR POLUIÇÃO
Em vez dos grampos a que todos estamos acostumados, ele recorta pequenas tiras de papel e as usa para costurar até cinco folhas de papel juntas. 


DESIGNER CRIA CARREGADOR ALIMENTADO POR APERTO DE MÃO
Eis uma invenção que dará uma mão na economia de energia. Carregue seu iPhone com um aperto de mão!
O conceito foi chamado de You can work.

***
Recebido do Clube dos Engenheiros Civis por e-mail

Até logo.

ALR

segunda-feira, 25 de julho de 2011

NBR 5738 - Concreto: Procedimentos para moldagem e cura de corpos de prova

NBR 5738 - Concreto: Procedimentos para moldagem e cura de corpos de prova

        Depois de muitas especulações, uma auditoria, uma pergunta de um técnico de segurança e a baixa resistência de 04 pilares de sustentação de uma caixa d'água, aqui vai a norma que todo engenheiro civil deve saber de cor (ela e toooodas suas parentes)...
        Só para esclarecer, os pilares, possivelmente foram pessimamente moldados por alguém que não tem prática, fiquem atentos quanto a isso. O ideal é manter sempre o Encarregado, que é treinado, realizar os ensaios. Fiquem alerta pois um baixo resultado pode recair sobre o traço do concreto feito in loco ou na dosagem da concreteira.

Prensa hidráulica para teste do Fck do concreto

   Importante:
          Existem moldes cilíndricos ou prismáticos. Os mais comuns, são os cilindricos e devem ter altura igual ao dobro do diâmetro. Sendo que pode ter diâmetro de 10cm, 15cm, 20cm, 25cm, 30cm ou 45cm.
          Deve existir regularmente um controle geométrico desses corpos, dependendo das condições e frequência de uso. As dimensões do corpo cilindríco podem variar de 0,1mm e a planeza das laterais e base de 0,05mm.
          A haste de adensamento deve ter diâmetro equivalente a 16mm variando de 0,2mm e comprimento de 600mm a 800mm.
          Deve-se revestir os moldes com uma fina camada de óleo mineral antes do uso, para facilitar a desmoldagem.
          Quanto à amostra, deve-se remistura-la antes da moldagem.
          Em geral o corpo de prova tem diâmetro de 100mm e é moldado em duas camadas cada uma com nada a mais nada a menos do que 12 golpes.
          Para a cura inicial (24horas), colocar os moldes em superfície plana, livre de pertubações e intempéries. Cobrindo-os com material não reativo e não absorvente para evitar perda d'água.

Leiam e confiem na norma. O resto é mera especulação.


LINKS ÚTEIS:

  • ABCP - Associação Brasileira de Cimento Portland
http://www.abcp.org.br/
  • ABESC - Associação Brasileira das Empresas de Concretagem: 

http://www.abesc.org.br/downloads_abnt.htm

Até breve.

ALR

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Selo - "Este blog vale Ouro"


Recebemos este selo do Blog "Bobeiras em Geral".

Visite o Blog clicando no banner abaixo.


Bobeiras em Geral
 
Regras a seguir:

- Exibir a imagem do selo;
- Postar o link de quem presenteou o selo;
- Indicar e avisar blogs amigos;

Eu Indico...

Pensando e Aprendendo

Encanta Lafaiete - realização Madrigal Roda Viva

Flaviele Leite - Fotografia

Atelier Doce

Artesanato Agostinha

Peripécias da Vida

Flor de Pituquinha

"A solidariedade é contagiosa. Contagie e se deixe contagiar..." Carlos Henrique Cadinha

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Aprendendo sobre liderança

Estou lendo o livro "O Monge e o Executivo" de James C. Hunter e gostaria de compartilhar alguns pensamentos com vocês.

"As idéias que defendo não são minhas. Eu as tomei emprestadas de Sócrates, roubei-as de Chesterfield, fartei-as de Jesus. E se você não gostar das idéias deles, quais seriam as idéias que você usaria?" – DALE CARNEGIE > foi um escritor e orador estadunidense

"Estar no poder é como ser uma dama. Se tiver que lembrar às pessoas que você é, você não é."- MARGARETH THATCHER > é uma política britânica, primeira-ministra de 1979 a 1990.

Liderança: É a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir aos objetivos identificados como sendo para o bem comum.



Atenção! Você gerencia coisas e lidera pessoas.

Autoridade: A habilidade de levar as pessoas a fazerem de boa vontade o que você quer por causa de sua influência pessoal.

Um relacionamento saudável entre fornecedor e cliente é necessário para a saúde duradoura de qualquer organização. Em suma, relacionamentos saudáveis com os clientes, empregados, donos e fornecedores asseguram um negócio saudável. Os líderes eficientes compreendem este princípio simples.

"Quem quiser ser líder deve ser primeiro servidor. Se você quiser liderar, deve servir." - JESUS CRISTO > nem precisa explicação.

Então, gostaram?
Tenho o livro em pdf, para quem quizer refletir...

Até breve.
ALR

terça-feira, 21 de junho de 2011

ESTRUTURAS no dia-a-dia

Afinal o que é uma estrutura?

Por definição, estrutura existe quando há união de partes que juntas encontram harmonia, quer seja ela estática quer seja ela dinâmica. E essas partes são capazes de receber esforços limitados, claro, e não de desintegrarem.

Sendo assim, uma estrutura dentro da esfera da construção civil, é o conjunto de sustentação de uma obra. E é planejada para garantir estabilidade atendendo a todas as solicitações e seguir os preceitos do projeto. Por isso é fundamental conhecer suas variações.

Existem estruturas Isostáticas, Hiperestáticas e Hipostáticas. Em nosso trabalho, vamos nos conter às isostáticas. Para uma estrutura ser isostática deve ter equilíbrio estável, logo o número de reações de apoios deve ser igual ao número de equações de equilíbrio.

Sabendo o comportamento de cada uma e as suas principais características é possível dar-lhes o uso mais adequado e aproveitar ao máximo suas potencialidades, combinando eficiência e menor custo.


VIGA BI-APOIADA







VIGA COM BALANÇO


VIGA ENGASTADA









PÓRTICO


TRELIÇA



 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
  
Observem no seu dia-a-dia, vocês veram inúmeros exemplos destas estruturas.
Gostaram? Então comentem.
Até Breve.
 
ALR

domingo, 19 de junho de 2011

Visita Técnica a uma ETE!

Atualmente o tratamento de esgoto atingiu maior destaque por causa da preocupação ambientalista dos últimos tempos. Com isso, a qualidade da água após este tratamento, passa a ser o centro das atenções e o principal objetivo de todo o sistema.

A vazão de entrada do esgoto bruto na ETE, é de aproximadamente 38 litros por segundo. Mensalmente, são retirados quatro caminhões de areia, resultado do tratamento preliminar do esgoto. A ETE atende à penitenciária instalada em suas proximidades, além dos bairros Icaivera e Retiro e recebe também resíduos de limpeza de algumas fossas. O corpo receptor do tratamento da ETE de Nova Contagem é o córrego do Meloso que vai no sentido da cidade de Esmeraldas.

Tratamento Preliminar
Gradeamento
A ETE tem duas grades de proteção para a entrada de esgoto bruto, a primeira, mais grossa, é de limpeza manual e a segunda, mais fina, é mecânica e tem uma esteira rolante que leva os resíduos até uma caçamba, de onde são levados para a desidratação e posteriormente destinados ao aterro.

Grade Manual > Grade Mecânica > Esteira > Caçamba

Desarenador (Caixa de areia)
Após a grade, o esgoto entra em um desarenador para retirar a areia e facilitar o transporte do esgoto nas tubulações, reduzindo obstruções ou abrasões no sistema.
Caixa de Areia

Tratamento Secundário
Reator Anaeróbio
O reator anaeróbio trabalha estabilizando a matéria orgânica com as bactérias presentes no tanque. O esgoto entra de baixo para cima, passando por arejadores circulares e depois passa por sedimentação e tratamento anaeróbio com bactérias no interior da estrutura.
Reator anaeróbio

Filtro Biológico
Outra parte do tratamento biológico, também com bactérias consumindo a matéria orgânica é o filtro biológico. As bactérias aeróbias ficam na superfície de pedras dentro de um tanque que recebe o esgoto por uma rotatória de velocidade controlada.
Filtro biológico
Decantador
No decantador, o fluxo entra no centro de baixo para cima e é vagaroso para dar tempo das partículas mais densas sedimentarem no fundo cônico do tanque (o chamado lodo bruto). Os materiais flutuantes, óleos e graxas que permanecem em suspensão são retirados pela rotatória mecânica que tem sua velocidade controlada.

Decantador Secundário

Queima dos gases
O final do processo resume-se em uma estrutura onde o esgoto tratado passa por uma aspersão de NONOX®, produto utilizado para neutralizar o odor. Também é feita a medição da vazão nesta etapa.

Sobre os resíduos, o lodo resultante é desidratado e enviado ao aterro do Arrudas ou volta pra o processo para suprir a pouca demanda em determinadas épocas. E os gases gerados são queimados no local mesmo, pois segundo o técnico presente não é suficiente para geração de energia ou créditos de carbono.
O maior problema de uma ETE talvez seja o descarte irregular de óleos industriais que compromete os tratamentos biológicos com as bactérias por que matam os organismos e inviabilizam o tratamento da matéria orgânica.

A ETE – Nova Contagem atinge a eficiência de 91%.

Uma ETE tem a finalidade de melhorar a qualidade das água utilizadas pela população que eram dispostas sem qualquer tratamento nos corpos receptores. Essa realidade vem mudando. E pode chegar ao patamar ideal com auxílio e esclarecimentos de setores responsáveis do governo, quando toda captação para abastecimento seja devolvida tratada segundo níveis estabelecidos ao meio ambiente.

Referência das Imagens:
Todas as fotos e esquemas são notas da autora.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...